Category: Crónica

Crónica

O “Ricardo A. Pereira” “tem muita graça”, é “muito culto” e “muito inteligente”

Desde o advento desta figura no entretenimento nacional, há mais de vinte anos, que esta ganhou notoriedade, num país de campónios, por, além da qualidade para a comédia, ser supostamente uma figura de gabarito intelectual superior à média, fino conhecedor da alta cultura, e dono de uma extraordinária inteligência capaz de produzir argumentos fora do alcance do português comum. Uma espécie de Marcelo Rebelo de Sousa dos palhaços, portanto. Nada disto poderia estar mais longe da verdade e, com toda a probabilidade, é uma quase completa efabulação. Vejamos ponto por ponto.
CrónicaBoa-Hora

Um Texto Sobre Relojoaria

Leia este texto e divirta-se muito a lê-lo. Quando terminar envie um e-mail a pedir mais ao editor. Possivelmente não vamos escrever mais porque somos pessoas muito ocupadas. Leia cada uma das letras como quem observa a mais linda das paramécias ao microscópio. Reflita sobre a nossa intenção na escolha de cada uma das palavras. Encare o conjunto de frases como quem encara um estereograma.
Crónica

Inquéritos sobre Neologismos Irritantes

Desde o advento não só das redes sociais mas também de pessoas que não sabem distinguir entre falar telegraficamente e escrever português decente — e cujas consequências naturalmente se arrastam até ao mundo conceptual — animámos, na plataforma Twitter, uma série de inquéritos informais sobre este tema. Eis os resultados.

CrónicaDestaquesO Assento das Ensinanças

Citações de Dos Privilégios E Prerrogativas que o Feminino tem por Direito Comum E Ordenações do Reino mais que o Masculino, obra entregue a Sua Majestade D. Catarina de Áustria [Rui Gonçalves, 1557]

Dez alíneas das cento e seis presentes na obra de Rui Gonçalves, professor de direito e jurisprudência romana em Coimbra, no sec. XVI, sobre os direitos da mulher no quadro legal português dessa época.
Crónica

Entre o Caseiro e o Comercial: A Jornada da Cosmética Natural

No turbilhão de opções na indústria de beleza, a dualidade entre a cosmética natural caseira e a comercial surge como um conto fascinante. O ritual diário de cuidados com a pele desdobra-se num debate entre o feito em casa e o pronto para comprar. Numa sociedade imersa em produtos de beleza embalados e promessas reluzentes, a procura pela verdadeira essência da beleza encontra-se no cruzamento entre estas duas abordagens distintas.
CrónicaDestaque

Os grupos étnicos do Japão

Os japoneses aparentam, para o observador externo, ser um povo homogéneo. No entanto, as estatísticas antropológicas e sociológicas indicam o contrário. Entre o povo mais comum (a etnia Yamato), os seus povos indígenas, pessoas de raça mista, e imigrantes residentes no Japão, isto está longe de ser verdade. Em particular os povos indígenas possuem uma história e posição atual interessante de várias maneiras.
Crónica

De quando o sensacionalismo jornalístico se junta ao academismo activista

Foi noticiado no jornal Público um estudo da investigadora Ana Rita Alves, do CES, em Coimbra, que permitiu, aparentemente, aos jornalistas — ou à própria autora — chegar à conclusão de que “ciganos têm 43 vezes mais probabilidade de serem mortos pela polícia” e “pessoas negras 21 vezes mais probabilidade de ser morta pelas autoridades do que uma pessoa não negra”.