Category: Ensaio

Ensaio

A Peste de Albert Camus: Reflexões

Ao receber o Prémio Nobel da Literatura no dia 10 de dezembro de 1957, em Estocolmo, Camus profere um discurso no qual expressa várias ideias em relação ao que representam, para si, a escrita e o papel de escritor. Nesse discurso, o autor começa por afirmar que não lhe é possível viver sem escrever, o que indicia desde logo uma forte inseparabilidade entre a vida e a escrita, como se uma e outra estivessem permanentemente entrelaçadas.
Ensaio

As Presenças de José Régio

«"Falar de José Régio é falar de Presença": eis um dos muitos lugares-comuns aplicados à literatura portuguesa, criticados justamente por generalizarem e simplificarem demasiado a obra dos autores em questão. Contudo, neste caso específico o truísmo pode tornar-se interessante, se considerarmos as várias dimensões que o conceito de presença abrange na literatura regiana.»